abril 25, 2007

Roy Block

Roy Block é um projeto muito interessante do estudante alemão Sebastian Schmieg. O jogo tem uma heroína com vontade própria, e tudo que o jogador pode fazer é pressionar dois blocos de madeira contra a tela para que ela possa pular em cima deles e chegar do outro lado.

Confira o site oficial do projeto e abaixo um vídeo que mostra como funciona o jogo.

(Dica do meu amigo Faiolli. Valeu!)

2 comentários:

Alexo disse...

Adorei! Eu, que sempre achei inteligência artificial muito instigante à interação (ainda mais em jogos), que também sempre achei que a idéia dos "tamagochis" foram pouco aproveitados nos jogos eletrônicos (haja visto o exemplo de sucesso da séris Sims), diria que esses "brinquedos" poderiam voltar a serem mais explorados!

Lucas Haeser disse...

Falando em tamagochis, outro dia conheci um brinquedo para meninas chamado Pixel Chix. São casinhas de brinquedo com uma tela dentro onde "mora" uma menininha digital, dependendo de qual botão você aperta a menininha faz alguma coisa. O bacana do brinquedo é que você pode ligar duas casinhas uma do lado da outra, assim uma menina pode visitar a outra. Achei a idéia muito bacana.